Seja autor e protagonista de sua vida

Seja autor e protagonista de sua vida!

Os grandes projetos de vida estão baseados na construção dos sonhos, sejam eles de infância ou atuais. Os sonhos são as nossas visões de futuro. Então, tire seus sonhos da gaveta, defina objetivos olhando as várias áreas da sua vida.

Os objetivos nos dão a direção e, em geral, têm prazos longos para que aconteçam. Sendo assim é necessário quantificá-los, atribuir-lhes metas, detalhar o que queremos alcançar, definir tempo e recursos necessários para as ações.

Para pensar em novos objetivos e estabelecer as metas, que realizem seus sonhos, é fundamental que você avalie sua situação atual: onde você está e aonde quer chegar

Para que as metas transformem-se em resultados, atente para alguns pontos importantes:

1.   A meta tem que ser relevante – O resultado é importante para você e outras pessoas? Como você se sentiria, caso atingisse esse objetivo? A relevância é o combustível para ação, se for realmente importante estará em sua mente e em seu coração diariamente, fazendo com que você tenha disciplina e coragem para fazer o que tem que ser feito.

2.   A meta deve ser positiva – Defina metas positivamente: eu quero um novo emprego para evoluir em minha carreira e me tornar mais próspero. Nosso cérebro não reconhece a palavra “não” – ele a processa como imagem. Assim, quando você pensa de forma negativa, você traz à sua mente justamente o que não quer.

Um exemplo? Não pense em um elefante cor de rosa! Pronto lá está o elefante em nossa cabeça.

3.   A meta deve estar escrita e visível – O que não se escreve não se torna visível e facilmente é esquecido. Escrever e deixar visível desenvolve disciplina e comprometimento com a ação.

4.   Simples e especifica – Para que nosso cérebro não fique confuso, é necessário que ele saiba – de forma específica – aonde você quer chegar e o que tem que fazer. Exemplo: “Eu quero um novo emprego, cuja remuneração seja 20% maior do que a atual e no prazo de seis meses”. Quanto mais específica, menor a possibilidade de interpretações duvidosas e mais chances de ser.

5.    A meta tem que ser atingível – É possível no seu contexto hoje em dia? O grau de dificuldade para ser realizada é alto ou baixo? Se for muito alta, ela se torna irreal e desmotivadora atingida.

6.   Estabeleça um prazo para ser executada – Qual a data de entrega? Considerar apenas o mês, não se traduz em resultado, importante estabelecer dia, mês e ano.

7.   A meta precisa ser mensurável – Consigo observar e avaliar os resultados? É muito importante que ela seja estabelecida com parâmetro de valor, quantidade, peso, datas, percentagens e outros que você definir. Só com um referencial concreto é que podemos saber onde estamos e aonde queremos chegar.

8.   Defina quais são os recursos que vai precisar – Do que vai precisar? Recursos financeiros, conhecimento, tempo, habilidades e capacidades pessoais? Faça um levantamento de tudo e todos que possa lhe ser útil. Essa etapa pode poupar a você bastante tempo, energia e dinheiro, além de permitir chegar ao resultado de uma forma mais tranquila e segura.

9.   Acompanhe sua meta – Defina um período para acompanhamento de resultados. Por exemplo, a cada três meses. Este exercício fará com que você não perca seu objetivo de vista e facilitará mudança de rumo caso aconteça algum imprevisto.

Mais uma vez, veja a importância dela estar escrita e visível diariamente!

Você tem todos os recursos necessários, basta acioná-los:

– Use sua imaginação, ela estimula seu cérebro a conceber novas ideias e sonhos, mas se lembre que sonhar é o “ponto de partida”. Partindo dele é necessário definir objetivos e metas que tragam o resultado esperado

-Esforço, afinal nada acontece sem muito trabalho! Deixe a preguiça de lado, ela é um dos principais fatores de fracasso de nossas metas.

-Tenha disciplina! Disciplina é um hábito construído diariamente.

-Tenha entusiasmo, ele influencia as pessoas e o ambiente positivamente.

-Comemore os resultados, só nós sabemos os obstáculos ultrapassados para ter resultados.

-Tenha coragem, persistência e paciência. Avalie bem quais são os ganhos e as perdas ao definir suas metas, afinal sempre que escolhemos um caminho, abrimos mão de outro.

Aceite o desafio! Viva com disciplina e crie um propósito para os próximos 90 dias.

O que você iniciaria? O que você não faria mais?

Observe, pois novidades surgirão!

 

 

HR Hunter, Consultoria de Recursos Humanos do Rio de Janeiro, tem como expertise: Recrutamento e Seleção, Treinamento Comportamental, Plano de Cargos e Salários, Pesquisa de Clima e Coaching.