Recrutamento e Seleção

Será que nos colocamos no mercado de trabalho da maneira correta?
Entenda a importância do comportamento adequado no processo de recrutamento e seleção no mercado de trabalho atual.

Por vezes tenho visto os profissionais disponíveis no mercado reclamando de sua condição, falando mal das áreas de RH das empresas e dos selecionadores, reclamando das exigências do mercado, dos sites de emprego, dos anúncios divulgados. Muitas reclamações! Mas…reclamar, correndo o risco de se queimar no mercado como uma pessoa reclamona e negativa, isso leva o profissional aonde? Muda ou melhora a sua condição de desempregado?

Não! Apenas o desvaloriza e demonstra desespero pela condição transitória. O profissional que está desempregado deve se valorizar, se colocar de uma maneira positiva, especialmente nas redes sociais. Desespero na busca por recolocação indica que o profissional está encontrando dificuldades na recolocação e isso levanta questões acerca das razões de tal rejeição, afinal de contas, os meses vão passando, as oportunidades não vão surgindo ou se concretizando e a única certeza é que mensalmente vem as contas e os compromissos financeiros a serem honrados.
O desespero é natural e compreensível, mas essa preocupação não deve ser exposta no mercado!

Muitas vezes quem está a busca de uma colocação tende a se colocar como coitadinho injustiçado pelo RH ou pela vida, mas não busca apurar seu senso crítico em parar e analisar a própria situação e verificar se está fazendo a coisa certa: Será que basta ser um ótimo profissional? Você tem um currículo interessante? E se você acha mesmo que seu currículo é interessante, garante que ele está realmente bem feito e vende a sua imagem? Será que não há uma superestimação de nós mesmos?

Tenho visto por ai muita insatisfação com relação à busca por recolocação, mas levando em consideração que este é um momento delicado na vida de todos os profissionais e que as insatisfações são naturais, afinal de contas não é agradável para ninguém estar desempregado! Mas será que estamos fazendo a coisa certa? Será que a forma como conduzimos nossa carreira foi de atualização constante? Buscamos a excelência em tudo o que fazemos desde chegar antes da hora na entrevista até entregar o curriculum impecável?

Você pode estar se perguntando: Será que tudo isso realmente acontece?
Sim. Como recrutadora e selecionadora, quando estou no mercado me deparo com muitas situações e vejo que infelizmente os próprios profissionais reclamam demais e não costumam fazer uma autoanálise ou autoavaliação, para verem que muitas vezes eles mesmos se comportam de maneira inadequada e agem de maneira errada no momento de buscarem por uma recolocação.

MAIS ATITUDE POSITIVA E MENOS RECLAMAÇÃO!

HR Hunter, Consultoria de Recursos Humanos do Rio de Janeiro, tem como expertise: Recrutamento e Seleção, Treinamento Comportamental, Plano de Cargos e Salários, Pesquisa de Clima e Coaching.